Alamantec e Yeva Cosmétiques lançam produto inovador para calvície no mercado

Por 17 de julho de 2018 Sem categoria Sem Comentários

Método pioneiro, desenvolvido pela empresa residente do BH-TEC, é eficiente em casos de alopecia.

Um produto que estimula o crescimento dos fios de forma não agressiva, com eficácia comprovada em testes clínicos e sem efeitos colaterais conhecidos. Esta é a inovação desenvolvida, junto à UFMG, pela Alamantec.  O produto, lançado na última quinta-feira, 05, chega ao mercado por meio da transferência tecnológica entre a Alamantec e a mineira YEVA Cosmétiques, que ficou responsável por sua produção industrial e distribuição comercial. Trata-se de um tônico de uso tópico, que pode inclusive tratar a queda de cabelo de pessoas que passaram por procedimentos agressivos como quimio ou radioterapia. O tônico capilar que recebeu o nome de SANCTIO, e está patenteado no Brasil e nos EUA, marca a entrada da empresa no segmento cosmecêutico, bem como a expansão de seus negócios no mercado nacional e internacional.

Preocupação comum entre homens, a calvície (ou alopecia androgênica, no termo científico) é resultado de um desequilíbrio no ciclo natural da produção de fios, em que a queda supera o crescimento. Por preocupações estéticas, homens e mulheres atingidos pela calvície recorrem a medicamentos que podem ter efeitos colaterais desagradáveis. No entanto, essa descoberta – cuja pesquisa surgiu dentro da UFMG – promete mudar esse cenário.

Agindo nas duas pontas do problema

A Alamentec é focada em inovação para saúdo e está sediada no Parque Tecnológico de Belo Horizonte (BH-TEC). Robson Santos, doutor em fisiologia e CEO da empresa, conta que a descoberta aconteceu em meio aos trabalhos com a Angiotensina-(1-7), um dos principais componentes de tratamentos que o laboratório desenvolve para doenças cardiovasculares. “Este peptídeo tem efeitos benéficos para o organismo, promovendo a melhora da circulação e do metabolismo. Percebemos que, além de ser eficaz para a manutenção da pressão arterial e da função renal, essa substância também tem uma ação antialopecia, melhorando o fluxo sanguíneo no couro cabeludo e facilitando o crescimento do cabelo”, explica.

Com um ativo altamente eficaz no combate à calvície, a formulação nanotecnológica de SANCTIO tem o poder de reduzir e prevenir a queda dos cabelos estimulando o crescimento de novos fios fortes e saudáveis. Isso é possível porque a fórmula exclusiva do SANCTIO, segundo Samuel Campos, Diretor Farmacêutico da YEVA, possui três ações de extrema importância: a primeira, é através da deposição do ativo no bulbo capilar e na papila dérmica, onde promove, a partir de ligações bioquímicas, a ativação e a proliferação celular. Este mecanismo gera um maior aporte de nutrientes para todo o bulbo capilar, permitindo que o fio comece a crescer mais forte e espesso. O segundo é sua propriedade anti apoptótica prevenindo a morte das células do folículo responsáveis pelo crescimento do fio. Somado a isto, o ativo apresenta ação antioxidante que contribui para a prevenção da queda de cabelo.

Diferente dos tratamentos para calvície disponíveis, que podem causar efeitos indesejados como a impotência sexual, a solução desenvolvida pela Alamantec age estimulando o crescimento dos fios e é livre de efeitos colaterais conhecidos. Segundo Frederic Frezard, Professor Titular do departamento de Fisiologia e Biofísica da UFMG, e um dos responsáveis pela pesquisa que originou o Sanctio, um importante ponto a ser destacado é o resultado do ensaio de segurança dermatológica da formulação: “O produto não apresentou efeito irritante ou alergênico, representando um grande diferencial se comparado aos produtos disponíveis no mercado”, afirma.

 

Para Carina Soares, sócia da YEVA, o Sanctio marca o lançamento de um produto único no mercado. “Existe hoje uma demanda muito grande por produtos de maior eficácia na área de crescimento capilar, mas ela é ainda pouco explorada pelos laboratórios. Então vimos nessa descoberta a possibilidade da entrada de um produto único no mercado”, diz Carina Soares, sócia da YEVA.

Solução pioneira

Robson conta que já existe uma patente semelhante registrada nos Estados Unidos, que usa a Angiotensina-(1-7), o mesmo princípio ativo, para combater a calvície. A solução da Alamantec, porém, tem uma via de aplicação menos agressiva. “A patente dos Estados Unidos prevê aplicação por via subcutânea – ou seja, o medicamento seria injetado no paciente, o que pode ser complicado. Nossa solução é de uso tópico – o paciente aplicaria o produto diretamente no couro cabeludo, e sua formulação faz com que ele seja absorvido pela pele e entre em contato direto com o folículo capilar”, explica.

Ainda segundo Robson, além do pioneirismo, a inovação se destaca também por cumprir um ciclo importante para o desenvolvimento tecnológico do país: extrapolar a barreira da pesquisa dentro da universidade e chegar ao mercado. “É muito importante sair da ideia ao produto e o produto cumprir o seu objetivo sendo transferido ao mercado. É um ciclo que se fecha, mas são muitas oportunidades que se abrem”, conclui.

Obs: o produto pode ser encontrado no site da Americanas.com, Submarino e Shoptime.

Deixe uma Resposta